Reflexao sobre missoes.

“O QUE TAPA SEU OUVIDO AO CLAMOR DO POBRE TAMBÉM CLAMARÁ E NÃO SERÁ OUVIDO “  Provérbios 21:13
          Aparentemente, o pobre mais pobre que a Bíblia menciona é o leproso Lázaro, cuja condição se acha  descrita assim em Lucas l6:20 e 21:
        Eis a situação deste homem:
  Era mendigo, ou seja, dependia para a sua sobrevivência inteiramente das esmolas de alguma alma caridosa.
  Era leproso. Ser leproso naquele tempo era a pior desgraça que alguém poderia sofrer. Era banido da sua família, do convívio de seus amigos e de toda a convivência social. Levitico 13:45 diz que o leproso deveria gritar sou imundo. Is. 1:6 comparar
  Foi tomado por um estado de tamanha desnutrição que “ jazia à porta daquele “, ou seja estava deitado, estendido à porta do rico. A sua desesperança era tanta que o anelo de sua alma já não era mais tomar uma refeição. O seu sonho era simplesmente algumas migalhas. Uma migalha e estaria satisfeito.
  O relato Bíblico da condição daquele pobre aponta para um estado de degradação tão terrível a ponto de indicar que só os cães ( animais tidos como imundos pelos judeus ) aceitavam com ele manter algum tipo de relacionamento. Sua miséria era tanta que só os cachorros da rua vinham procurá-los para lamber-lhes as feridas.
  Conta-nos Jesus que o estado da doença era tão avançado que estava coberto de chagas. Isto é não havia um lugar de seu corpo em que não houvesse uma ferida. Cheio de feridas infeccionadas, malcheirosas. E os cães a lamber toda aquela podridão fétida.
        Será que poderíamos encontrar na literatura universal um quadro de pobreza mais horripilante do que este? Será que alguém desafiaria a dizer que conhece alguém mais pobre do que Lázaro?
        Porem ao prosseguir sua mensagem, Jesus revela que o mendigo morreu e foi levado pelos anjos ao Paraíso. O rico, também morreu, teve o seu corpo sepultado e sua alma foi conduzida ao inferno, estando em tormentos. De lá, contempla Lázaro no Paraíso e clama por misericórdia, porem era tarde demais.
        Este texto Bíblico nos ensina muitas lições espirituais. Vamos nos deter apenas em dois aspectos relativos ao titulo desta mensagem. “ O que tapa o seu ouvido ao clamor do pobre também clamará e não será ouvido” 
  Extraímos do texto sagrado um CONCEITO DIVINO DE POBREZA. Após traçar, na pessoa de Lázaro, o quadro de pobreza mais vivo que alguém poderia esboçar, Jesus pinta OUTRO CENÁRIO MAIS HORRIPILANTE QUE A LEPRA, que a fome, que a desnutrição, que um corpo coberto de feridas, que a companhia dos cães, que a mais vil degradação de um ser humano em cima da terra.A PINTURA TENEBROSA QUE JESUS PINTOU FOI A SITUAÇÃO DE UM SER HUMANO EM TORMENTOS NO INFERNO, SEM ESPERANÇA, PRESO EM SEUS REMORÇOS, IMPOTENTE PARA MUDAR SUA SORTE, COM UMA SETENÇA ETERNA LAVRADA POR SEUS PRÓPRIOS ATOS NO TEMPO EM QUE VIVEU NO MUNDO DOS VIVENTES.
   Surge então a pergunta, qual dos dois era o mais pobre? Lázaro ou o rico? Somos obrigados a concluir que o mais pobre era o rico!!
    Daí a lição missiológica a ser por nós tomada. Há milhões de pessoas mais pobres que o Lázaro da história Bíblica. Manchadas pela lepra do pecado, cobertas de feridas espirituais, no mais vil estado de degradação moral e espiritual, na companhia de demônios que lambem os beiços na expectativa de mais uma alma que levarão ao reino das trevas. Esses milhões, esses bilhões de seres humanos jazem a nossa porta. NÓS SOMOS OS RICOS DA HISTORIA DE JESUS. Temos abundância do pão vivo que desceu dos céus. Alguns quem sabe estão enfarados de tanto comer da palavra de Deus. Há milhares que pedem uma migalha, uma mensagem, uma pregação, um versículo, uma Bíblia, uma oração, uma palavra, uma frase, um hino, uma migalha, uma migalha … para quem tem fome. POVOS que nunca tiveram a oportunidade que nós um dia tivemos, que nunca ouviram  as palavras que ouvimos todos os dias, que não conhecem  o Amigo que tão bem conhecemos, que não sabem do sangue que nos purifica, do céu que nos aguarda, da glória que nos espera. O CLAMOR DO POBRE NÃO ESTÁ SENDO OUVIDO. Porque?   Porque a Igreja de Cristo tem tapado o seu ouvido a tal clamor.
        Mas a sentença divina continua, sobre a cabeça dos surdos ao clamor dos povos.
        Talvez igual a rica IGREJA DE LAODICEIA, podemos dizer: não preciso clamar a ninguém, sou auto-suficiente, tenho tudo, sou rico e abastado. Aqui vem o segundo ponto que quero ressaltar na história narrada por Jesus. O rico e prepotente dono da casa em cuja porta jazia Lázaro, a despeito de toda a sua riqueza, um dia teve que clamar. Porem nas suas lamentações não pôde ser atendido. Por mais ricos e poderosos que sejamos , haverá momentos em que teremos de clamar a Deus, momentos em que nossas forças não serão suficientes.
           Fica a reflexão para todos nós. A sentença de Deus, nesta hora, estará a nosso favor ou contra nós? Temos verdadeiramente dado ouvido ao clamor do pobre? Temos estendido nossas mãos às suas necessidades?
           SERÁ QUE NESTE MOMENTO TEREMOS O NOSSO CLAMOR OUVIDO? OU OUVIREMOS A SENTENÇA “ PORQUE TAPASTE O OUVIDO AO CLAMOR DO POBRE TAMBÉM CLAMARÁS E NÃO SERÁS OUVIDO”
extraído do livro por título MISSOES do Pr. Humberto Shimidt Vieira.
About these ads
Esse post foi publicado em Sin categoría. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Reflexao sobre missoes.

  1. Unknown disse:

    Hi,Do you have used LCD monitors, second hand lcd monitors and second hand flat screens? Please go here:www.sstar-hk.com(Southern Stars).We are constantly buying re-usable LCD panels,LCD recycle.The re-usable panels go through strictly designed process of categorizing, checking, testing, repairing and refurbishing before they are re-used to make remanufactured LCD displays and TV sets.Due to our recent breakthrough in testing and repairing technology of LCD, we can improve the value for your LCD panels.
    website:www.sstar-hk.com[icaefigaacfgi]

  2. Beatriz disse:

    maravilhoso!!!!!!!! bem a nossa realidade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s